Blog Shri Yoga Devi
Bem vindos!!!
www.shri-yoga-devi.org
 
Postagens do Blog
+ 2013 / 1º semestre
+ 2012 / 2º semestre
+ 2012 / 1º semestre
+ 2011 / 2º semestre
+ 2011 / 1º semestre
+ 2010 / 2º semestre 
+ 2010 / 1º semestre
+ 2009 / 2º semestre
 
EU SOU
Flávia Bianchini
Satyananda Svarupini (Flávia). Sou Instrutora de Kundalini Yoga e Artista Plástica. Coordeno o espaço Shri Yoga Devi onde ministro aulas de Yoga. Veja o site: www.shri-yoga-devi.org

Maha Devi
"Do meu Poder tudo brota,
Por meu Poder tudo se sustenta,
Por meu Poder tudo se dissolve.
Eu sou este Brahman sem dualidades."
Kaivalya Upanisad

TEXTO DO MÊS:

"Vāyu Purāṇa"
Tradução completa, para o português

Todos os meses colocamos à disposição de nossos leitores novos textos, na biblioteca virtual de textos de nosso site. Neste mês, apresentamos uma tradução para o português de um importante texto tradicional indiano: Vāyu Purāṇa.

Vāyu é o nome de uma divindade (deva) hindu que é citada desde o período dos Vedas. Vāyu significa vento. É também chamado de Vāta (que também significa vento ou sopro), Pavana (o Purificador) e é também, muitas vezes, utilizado como sinônimo de Prāṇa (força vital) ou como representando o elemento ar. 

A divindade indiana Vayu
Representação da divindade indiana Vāyu

Purāṇa é o nome atribuído a um grupo de textos indianos tradicionais. A palavra Purāṇa significa "antigo". Embora os Vedas (mais de 1.000 anos antes da era cristã) já se referissem a essa tradição do Purāṇa, os textos com esse nome que chegaram até nós parecem ter sido todos redigidos depois do início da era cristã – ou, no máximo, dois ou três séculos antes da era cristã.  

Considera-se que existem 18 textos principais desse tipo. A listagem dos 18 Mahā-Purāṇa ("grandes textos antigos") varia bastante. Uma das mais citadas é esta: Brahmā Purāṇa, Padma Purāṇa, Viṣṇu Purāṇa, Vāyu Purāṇa, Bhāgavata Purāṇa, Nāradīya Purāṇa, Mārkaṇḍeya Purāṇa, Agni Purāṇa, Bhaviṣya Purāṇa, Brahmavaivarta Purāṇa, Liṅga Purāṇa, Varāha Purāṇa, Skanda Purāṇa, Vāmana Purāṇa, Kūrma Purāṇa, Matsya Purāṇa, Garuḍa Purāṇa, Brahmāṇḍa Purāṇa.

O Vāyu Purāṇa, apesar do nome, não é um Purāṇa dedicado à divindade Vāyu. É um texto que louva Śiva como a principal divindade – ou seja, é um texto Śaiva. Tem o nome de Vāyu Purāṇa porque o texto é considerado como uma narrativa feita pelo deva Vāyu. 

Adoração de Shiva pelos outros devas
Adoração de Śiva pelos outros devas

Considera-se que o Vāyu Purāṇa é um dos mais antigos Purāṇas que foram conservados, sendo certamente anterior ao século VI d.C., já que é citado em outras obras dessa época. Há até mesmo uma menção ao nome do Vāyu Purāṇa no Mahābhārata e no Harivaṁśa; isso indicaria que a obra já existia alguns séculos antes da era cristã. No entanto, pode ser que o Vāyu Purāṇa ao qual o Mahābhārata se refere seja uma versão diferente da que chegou até nós.

Segundo a tradição mais antiga, este Purāṇa teria 24.000 versos, mas a versão que foi conservada tem 10.991 versos, divididos em duas partes com um total de 112 capítulos. Os 9 últimos capítulos parecem ser uma adição recente, pois o capítulo 103 (41 da segunda parte) apresenta uma conclusão ou "fechamento". Os capítulos posteriores se referem a autores e textos posteriores ao século VI d.C. e apresentam a glorificação da região de Gayā (Gayā māhātmya), que aparece também em outras obras, e contém uma tentativa de síntese dos cultos a Śiva e Viṣṇu. Embora Śiva seja considerado como a principal divindade neste Purāṇa, Viṣṇu também é respeitado e, em certos pontos, apresenta-se uma equivalência entre Śiva e Viṣṇu.

Shiva, Parvati e família

O conteúdo deste Purāṇa é muito variado, sendo quase impossível resumi-lo. Como os outros Purāṇas, o Vāyu Purāṇa é uma obra de caráter enciclopédico, abordando uma imensa variedade de temas. Trata sobre a criação do universo e sobre suas fases até a dissolução final; descreve as eras da humanidade (manvantaras) e os quatro períodos (Yuga); fala sobre o papel das três divindades principais do Hinduísmo (Brahmā, Viṣṇu e Śiva – a Trimūrti) nesses processos; o Purāṇa fala a respeito de muitas divindades diferentes, descrevendo seu surgimento e alguns de seus mitos; são descritas as quatro fases de vida (āśramas); há informações sobre os antepassados (Pitṛs) e seu culto; apresenta as dinastias reais de vários períodos; informações sobre várias regiões geográficas e lugares sagrados; contém dados sobre astronomia e sobre música; e descreve os atributos de Śiva, indicando também alguns de seus mitos importantes. Alguns dos nomes de Śiva são: Rudra, Bhava, Śarva, Pāśupati, Īśa ou Īśana, Ugra e Mahādeva. Há também menções ao culto do liṅgam, à maldição de Dakṣa, à descida do Ganges e ao nascimento de Skanda (filho de Śiva e Umā).

Yogin, pintura miniatura indiana

Um conjunto de capítulos do Vāyu Purāṇa (capítulos 11 a 16 da primeira parte) é dedicado ao Yoga, que é adjetivado como Pāśupata Yoga, ou seja, o Yoga do Senhor dos Animais (Śiva). Há algumas semelhanças com o Yoga tradicional de Patañjali, mas muitas diferenças, também. Há várias informações sobre a importância do controle da respiração ou prāṇāyāma, sobre posturas ou āsanas e sobre concentração ou dhāraṇā. 

Há comentários sobre os lugares e condições adequados para a prática de Yoga, informações sobre os poderes especiais (siddhis) obtidos pela prática de Yoga, perigos de praticar Yoga incorretamente, efeitos benéficos e sinais positivos da prática de Yoga, obstáculos no caminho do Yoga, a transmigração, a libertação do ciclo de renascimentos e do efeito do Karma. Há também muitas indicações sobre os aspectos éticos que o Yogin deve seguir, e detalhes sobre sua vida prática. 

Shiva - manifestação de poder

Trata-se, portanto, de uma obra vasta e extremamente rica em informações sobre a tradição espiritual indiana, que poderá ser consultada com proveito, e que está agora disponível em português. 

O Vāyu Purāṇa foi traduzido do sânscrito para o inglês por Ganesh Vasudeo Tagare. A tradução para o português, que apresentamos aqui, foi feita por uma pessoa que preferiu não se identificar. O texto está também disponível (sem esta introdução) no seguinte endereço:
www.4shared.com/office/KWgm8gB7/O_Vayu_Purana.html

Você pode fazer o download desta obra na biblioteca virtual de textos de nosso site.

Shiva e seus devotos em Kailasa

separador


Espaço de yoga Shri Yoga Devi
Campina Grande, Paraíba
http://www.shri-yoga-devi.org/

...
FaceBook link
.