Blog Shri Yoga Devi
Bem vindos!!!
www.shri-yoga-devi.org
 
Postagens do Blog
+ 2013 / 1º semestre
+ 2012 / 2º semestre
+ 2012 / 1º semestre
+ 2011 / 2º semestre
+ 2011 / 1º semestre
+ 2010 / 2º semestre 
+ 2010 / 1º semestre
+ 2009 / 2º semestre
 
EU SOU
Flávia Bianchini
Satyananda Svarupini (Flávia). Sou Instrutora de Kundalini Yoga e Artista Plástica. Coordeno o espaço Shri Yoga Devi onde ministro aulas de Yoga. Veja o site:
www.shri-yoga-devi.org


Maha Devi
"Do meu Poder tudo brota,
Por meu Poder tudo se sustenta,
Por meu Poder tudo se dissolve.
Eu sou este Brahman sem dualidades."
Kaivalya Upanisad
 Agenda
Novembro de 2010
.
MEDITAÇÃO DO MÊS:
Kirtan Kriya Pañj Shabad

   Em cada mês apresentamos uma sugestão de meditação, asana ou kriya, que pode ser utilizada por todos os praticantes de Yoga, desde que sigam as orientações apresentadas. 

   A prática de Kundalini Yoga é precedida por dois mantras; Ong namo Guru Dev Namo (cantar três vezes) e Ad Gurey Nameh, Jugad Gurey Nameh, Sat Gurey Nameh, Siri Guru Dev Nameh (cantar três vezes). Veja música no YouTube:

http://www.youtube.com/watch?v=mKew4Wa6Br0 

   Realiza-se a prática (meditação, kriya, asana, etc.) e finaliza-se cantando Sat Nam (Sat cantado longo e Nam curto em uma expiração, três vezes).

   Neste mês, temos a meditação chamada Kirtan Kriya Panj Shabad, que é explicada detalhadamente em outra página deste Blog.

 

YOGA DO SOM

   Yoga do Som é a prática de asanas (posturas) e meditações com mantras, canto das vogais, canto de mantras e meditações com o som sagrado do gongo e de tigelas. "Tudo que existe no Universo é Vibração e Som, o mundo é som, é ritmo, é vibração e o nosso corpo também". O trabalho com o som permite a purificação dos nadís e chakras do corpo, limpeza da memória celular e a elevação da consciência e do nível vibratório do Ser. A abertura do chakra do coração e a conexão com a Alma. Transformação e limpeza dos sentimentos e pensamentos bloqueados, tais como os medos, sentimentos de tristeza, raiva, depressão etc., transformando tudo isso em alegria e paz.

Yoga do som

   Em dezembro teremos dois encontros com yoga do Som. Aguarde mais informações sobre as datas e horários. Participe!!!

SADHANA

Sadhana de Kundalini Yoga

    A atividade é indicada para praticantes de Kundalini Yoga ou para quem já tenha participado de uma sadhana. Recitaremos o Jap Ji, faremos um aquecimento seguido de um Kriya da Kundalini Yoga, feito isto, daremos uma pausa para o relaxamento seguido de uma meditação com sete mantras e duração de uma hora. Mas há várias possibilidades e variações de sadhana, de acordo com sua disponibilidade, tempo, e meditação de interesse especifico do praticante. 

   Indicamos vestir roupas leves de algodão e utilizar alguma coisa para cobrir a cabeça. Ligue para saber mais informações... Retornaremos com a prática de sadhana em dezembro.

Onde:  Espaço Shri Yoga Devi

....
Satsanga
..

MEDITAÇÃO DA LUA CHEIA

Quando: dia 28 de novembro, domingo

.
Lua cheia
.

   Este dia é um tempo de conexão e expansão da Luz interna. Veja a Lua, sinta sua energia, conecte-se com a Luz do Sol que nos ilumina e alimenta. Veja mais sobre a Meditação da Lua Cheia na Agenda do nosso site:
www.shri-yoga-devi.org/agenda.html

.


...
TEXTO DO MÊS:
LALITA TRISHATI - OS 300 NOMES DA DEUSA LALITA
...
   Apresentamos neste mês de novembro uma tradução completa, para o português, do texto "Lalita Trishati" ("Os 300 nomes da deusa Lalita"). Este hino dedicado à deusa Lalita, que faz parte do Brahmanda Purana, faz parte do ensinamento secreto do ritual associado ao Shri Yantra, ou Shri Chakra – um diagrama místico indiano bastante conhecido. A prática de meditação sobre o Shri Yantra utiliza um mantra de quinze sílabas dedicado à Deusa. O Lalita Trishati utiliza as sílabas desse mantra como base para descrever 300 nomes da deusa Lalita.
..
Lalita Devi
..
   A versão apresentada no nosso site contém uma introdução inédita, seguida pelo texto sânscrito, com tradução para o português e explicações. O texto foi traduzido do sânscrito para o inglês por Swami Satyananda Saraswati, e a partir dessa versão em inglês foi traduzido para o português por Kala Chandra.
   Além do hino com os 300 nomes da deusa, o texto contém instruções sobre os rituais realizados em homenagem à deusa Lalita, incluindo o mantra de quinze sílabas e os processos de purificação necessários.
   Este e outros textos estão disponíveis na biblioteca virtual do site Shri Yoga Devi:
http://www.shri-yoga-devi.org/textos.html

...

LIVRO DO MÊS:

"Patañjali e o Yoga"

Autor: Mircea Eliade

Editora Relógio d’Água (Lisboa), 2009

.
Patanjali e o Yoga - Mircea Eliade
..

   Mircea Eliade é conhecido entre as pessoas que se dedicam ao Yoga, no Brasil, principalmente por sua obra "Yoga - Imortalidade e Liberdade" (1997), que é um livro volumoso, profundo e detalhado, sobre as bases filosóficas e escriturais dos vários ramos do Yoga clássico. Neste outro livro, "Patañjali e o Yoga", Eliade apresenta algumas das idéias centrais do Raja Yoga, cuja base principal é constituída pelos Yoga Sutra de Patañjali, e também sobre outras linhas do Yoga. O livro é relativamente pequeno, e fartamente ilustrado, o que ajuda o leitor a se integrar nos conceitos e na cultura onde o Yoga indiano se desenvolveu. Embora a versão original, em francês, seja bastante antiga (1962), trata-se de um livro que não perde sua atualidade, remetendo sempre o leitor aos aspectos mais profundos do Yoga, sob o ponto de vista de um caminho de transformação completa da pessoa.

   É importante alertar que não se trata de um manual prático e sim de um estudo sobre a teoria do Yoga, mencionando os processos utilizados mas sem explicar como podem ser praticados. O autor mostra como o método do Yoga permite atingir resultados surpreendentes. O ideal do praticante do Yoga tradicional é atingir o estado de jivanmukta, ou seja, aquele que está liberto de todas as amarras mas continua a viver. 

   O "liberto em vida" ultrapassa todos os condicionamentos das estruturas psicofisiológicas e do seu condicionamento temporal, vivendo em um presente que é, ao mesmo tempo, infinitamente pequeno (um ponto na linha temporal) e eterno. Ele está permanentemente consciente do seu Eu mais profundo, a consciência-testemunha, que é totalmente livre e não sofre nenhuma influência do mundo à sua volta. 

   Em muitas tradições religiosas – incluindo o pensamento indiano mais antigo – a libertação espiritual e a felicidade completa só podem existir após a morte. O Yoga se insere em uma tradição que antecipa a morte, produzindo um renascimento em uma vida sagrada, que ultrapassa o estado humano comum e atingindo um estado de perfeição e completude que temos grande dificuldade de compreender. Patañjali, o autor dos Yoga Sutras, foi um verdadeiro mestre espiritual, que ensinou as técnicas de transformação interna que levam a esse estado. 

   A conquista dessa liberdade absoluta constitui o objetivo de todas as correntes filosóficas e místicas indianas, mas foi sobretudo através do Yoga que a Índia proporcionou o método para atingir esse estado.

MIRCEA ELIADE

   O autor deste livro, Mircea Eliade, nasceu em 1907 em Bucareste, na Romania. Foi um dos mais importantes estudiosos de história das religiões, no século XX, tendo publicado mais de 1.000 trabalhos, incluindo dezenas de livros. Escreveu não apenas obras eruditas, mas também um bom número de romances.

Mircea Eliade

   Depois de completar seu mestrado em filosofia na Universidade de Bucareste, ele foi para a Índia onde passou três anos (1929 a 1931). Lá, estudou sânscrito e filosofia indiana na Universidade de Calcutá, com Surendranath Dasgupta (autor de uma obra em cinco volumes, "History of Indian Philosophy"), tendo vivido também seis meses no ashram de Swami Sivananda, em Rishikesh. Retornando à Romania, escreveu sua tese de doutorado sobre Yoga, com o título "Yoga: ensaio sobre as origens do misticismo indiano", defendida em 1933. Essa tese foi a base do seu livro "Yoga, imortalidade e liberdade", publicado primeiramente em francês com o título "Yoga: essai sur les origines de la mystique indienne", em 1936.

   Lecionou durante alguns anos na Universidade de Bucareste e durante a Segunda Guerra Mundial atuou como diplomata na Inglaterra e em Portugal. Após a guerra, viveu em Paris durante dez anos, depois aceitou uma posição na Universidade de Chicago, onde ensinou de 1956 até seu falecimento, em 1986.

   Notável por sua vasta erudição, Eliade falava e escrevia fluentemente em Romeno, Francês, Alemão, Italiano e Inglês, além de ler Hebraico, Persa e Sânscrito.

   Eliade teve grande influência na criação da área de estudos da história comparada das religiões, procurando encontrar os aspectos mais profundos e concordantes das tradições de muitas culturas humanas. Preocupou-se especialmente com o significado da vivência religiosa e mística, com a experiência de contato com o sagrado, que considerava a base de toda religião.

   Além de "Yoga: imortalidade e liberdade" e do presente livro "Patañjali e o Yoga", Mircea Eliade publicou uma outra obra sobre Yoga que não foi traduzida para o português: "Techniques du Yoga" (1948).


Espaço de yoga Shri Yoga Devi, no Jardim da Penha, Vitória, ES
 
Sala de aulas do espaço Shri Yoga Devi
Espaço de yoga Shri Yoga Devi
Ed. Tropical Center, Av. Hugo Viola 1001-A, sala 212
Jardim da Penha, Vitória, ES
Tel: (27) 9815-7820

http://www.shri-yoga-devi.org/

Mapa de localização do espaço Shri Yoga Devi
Mapa de localização do espaço de yoga Shri Yoga Devi
clique no mapa para entrar no Google Maps